Ouça ao Vivo:
Pesquisar
Close this search box.
Ouça ao Vivo:

Proprietário da oficina e funcionário são indiciados por mortes de jovens na BMW em Camboriú

Os homens foram indiciados por quatro homicídios culposos, quando não há intenção de matar.

A Divisão de Investigação Criminal de Balneário Camboriú, vinculada à Polícia Civil de Santa Catarina, concluiu, nesta quarta-feira (31/01), o inquérito policial referente às mortes dos quatro jovens na BMW, ocorridas em 1° de janeiro de 2024 na rodoviária da cidade.

Gustavo Pereira Silveira Elias (24), Tiago de Lima Ribeiro(21), Karla Aparecida dos Santos (19), e Nicolas Koyaleski (16), estavam em Balneário Camboriú para comemorar o ano novo.

Conforme informações previamente divulgadas, as perícias conduzidas pela Polícia Científica apontaram que as mortes foram causadas por asfixia devido à inalação de monóxido de carbono. Este gás vazou devido à ruptura de uma peça chamada downpipe, que, ao ser instalada como substituto do catalisador do veículo, foi produzida e montada de maneira precária e em desconformidade com os padrões de qualidade do fabricante.

A investigação revelou que a peça defeituosa foi instalada em julho de 2023, em uma oficina localizada em Aparecida de Goiânia/GO. O serviço foi executado por um homem de 48 anos, desprovido de formação técnica, sob a supervisão e controle do proprietário do estabelecimento, de 35 anos.

Diante das evidências coletadas, o inquérito foi encerrado com o indiciamento do proprietário da oficina e do responsável pela construção e instalação da peça, ambos por quatro homicídios culposos (art. 121, §3º, do CP), devido à imperícia na execução do serviço.

O caso agora será submetido à apreciação do Poder Judiciário e do Ministério Público para dar seguimento à fase processual de persecução penal.

Os homens foram indiciados por quatro homicídios culposos, quando não há intenção de matar.

Título do slide
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Ut elit tellus, luctus nec ullamcorper mattis, pulvinar dapibus leo.
Clique aqui

63 patenses enfrentam a Covid-19 em quarentena domiciliar

O boletim registrou 4 pessoas internadas, sendo dois pacientes internados em leitos clínicos e outros dois pacientes em leitos de UTI, esses números consideram pacientes residentes em Patos de Minas e também pacientes de outros municípios internados na cidade.

<a href="arquivo.clubenoticia.com.br" target="_blank">Veja mais em nosso arquivo!</a>