Ouça ao Vivo:
Pesquisar
Close this search box.
Ouça ao Vivo:

A cor do look de réveillon pode interferir no andamento do ano? Mentora de Posicionamento Energético explica relação entre a superstição e as realizações futuras

Na oportunidade a patense Camila Assiz também falou sobre a numerologia do ano 2023

Tradicionalmente no réveillon é comum idealizarmos os objetivos para o ano que se iniciará. Com a aproximação do início de um novo ciclo, muitas pessoas também cultivam algumas tradições para virar o ano com força total. Para entender como se preparar para a virada do ano de forma leve e positiva, o jornalismo do portal Clube Notícia conversou com a patense mentora de posicionamento energético, Camila Assiz.

Segundo Camila Assiz utilizar a primeira semana do ano, para planejar e definir metas é uma atitude crucial para buscar os objetivos que você tanto deseja.

“É muito importante que você mensure, tudo aquilo que é importante para você tanto no âmbito espiritual, profissional, financeiro, familiar e amoroso, porque só assim, tendo clareza daquilo que você deseja e daquilo que você precisa trabalhar, é que você irá conseguir assumir a auto-responsabilidade e por óbvio não permitir se privar da ação por medo, seja ele de qual nível for” explicou a mentora de posicionamento energético.

Ainda neste sentindo, a profissional, ressalta a importância de estabelecer datas para realização dessas metas, para que isso possa ser um propulsor de realização dos sonhos.

A cor da roupa que vou passar a virada pode interferir no andamento do ano?

Uma das tradições mais conhecidas dessa época é usar cores de roupas na virada do ano conforme aquilo que desejamos para o novo ciclo que se iniciará, como por exemplo, Branco para atrair paz, Amarelo para trazer dinheiro, Verde para esperança e Vermelho para buscar paixão. Assiz afirma que a nossa mente é muito poderosa, e tudo aquilo que a gente acredita com muita força, tem sim chances reais de acontecer.

“Se você acredita que as cores branca e vermelha, por exemplo vão te trazer paz e amor, assim será. Mas vale lembrar que as cores não possuem o poder de executar aquilo que só nós mesmos podemos executar. Então se você escolher passar de vermelho por exemplo que é a cor da paixão e dos relacionamentos, nada adiantará se você não trabalhar internamente para alcançar o relacionamento que você deseja, porque tudo parte primeiramente de dentro” explicou a mentora.

Como dica, não apenas para a virada do ano, como também para a todas as épocas, Camila Assiz orienta que a pessoa busque looks que potencialize realmente quem ela é, afim que através da imagem a pessoa possa desenvolver a autoconfiança e o autoamor.

Numerologia

De acordo com Camila Assiz, 2023 será representado pelo ciclo de conhecimento, interioridade e critério.

“Tem tudo para ser um ano fantástico, para as pessoas que se movimentam, que confiam em si, que conseguem sair do lugar e ir atrás dos seus objetivos. Porém será um ano muito desafiador para as pessoas que estão no seu centro de poder mais não desejam executar porque estão estagnadas ou na zona de conforto,” explicou Camila.

Na oportunidade, a mentora de posicionamento energético explicou também que a soma do número 2023 é igual a 7. E o número sete pela numerologia é reconhecido como o número que regula uma grande parte dos mais importantes ciclos vitais da terra.

“Como por exemplo, os sete planetas, os sete metais, as sete cores, os sete dias da semana, os sete pecados capitais, as sete virtudes e por aí vai,” explicou.

Camila Assiz também alertou que a energia do ano que se iniciará está voltada para exercermos com sabedoria as nossas ações. “Então foque primeiramente em ter consciência dos seus passos e posteriormente executar totalmente o consciente de suas ações” concluiu a mentora.

Confira a entrevista na íntegra:

Título do slide
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Ut elit tellus, luctus nec ullamcorper mattis, pulvinar dapibus leo.
Clique aqui