Estelionatários usam nomes de empresas de telefonia da cidade e aplicam o ''golpe do estorno de cobrança indevida''

logo-face
logo-face
Estelionatários usam nomes de empresas de telefonia da cidade e aplicam o ''golpe do estorno de cobrança indevida''

Mais um tipo de golpe está sendo aplicado em Patos de Minas, desta vez os golpitas estariam usando o nome de operadoras de telefonia atuantes no município para subtrair dinheiro das vítimas, por meio do chamado ''golpe do estorno de cobrança indevida''.

O esquema criminoso é articulado da seguinte forma, os golpistas ligam dizendo ser de uma empresa de telefonia que atua na cidade e afirma que precisa estornar cobranças indevidas feitas pela operadora. Nessa ocasião, consegue dados da vítima, como agência e banco e chegam a passar até número de protocolo, para simular credibilidade.

Algum tempo depois, uma nova ligação normalmente de algum celular com DDD 011, 061 ou 021 é recebida pela vítima, nesta nova ligação o farsante afirma que é do Banco Brasil. Uma vez que falam todos os dados da suposta vítima, a pessoa acaba realmente acreditando que se trata de um procedimento correto.

Em um terceiro passo os autores do golpe, dizem que foi feita transferência de valor maior na conta da pessoa e pergunta se ela reconhece essa operação. Levando em consideração que a resposta será negativa, pois, se trata de um golpe, eles pedem a vítima para ir à agência.

Sem desligar o celular, para não perder o contato com a suposta vítima, os farsantes vão instruindo o cliente da empresa de telefonia que muitas vezes acabam sendo persuadidos pelos golpistas e transferindo valores reais.

Segundo informações repassadas pela assessoria de comunicação da Prefeitura de Patos de Minas, nesta segunda-feira (11) as agências do Banco do Brasil receberam muitos clientes que foram vítimas do golpe no último sábado (09).

Normalmente os golpistas aproveitam o fim de semana ou feriados prolongados, pois, assim não dá tempo do cliente contatar o banco para bloqueio dos valores.

Com informações: Ascom Prefeitura de Patos de Minas

Comentários

  • Andrômeda

    Comentário enviado em - 11/10/2021

    Tem acontecido esse mesmo golpe em outras agências.