Imagem flagra cachoeira de esgoto caindo no Rio Paranaíba

logo-face
logo-face
Imagem flagra cachoeira de esgoto caindo no Rio Paranaíba

Na manhã desta terça-feira (08-06), durante uma reportagem de encontro de cadáver no Rio Paranaíba, foi possível flagrar mais um desrespeito ao meio ambiente provocado por uma cachoeira de esgoto caindo nas águas do rio.

Alem da poluição, várias manilhas se amontoaram e uma água malcheirosa e preta que cai em cascata nas águas do Paranaíba, (vídeo 01). Pescadores disseram que o esgoto prejudica a fauna do rio e impossibilita a pesca.

 A Copasa foi procurada pelo jornalismo da Rádio Clube 98, e enviou uma nota, explicando a situação.

Confira a nota na íntegra:

A Copasa informa que a área do bairro Barreiro, em Patos de Minas, mostrada nas imagens no vídeo, passa por processo de regularização fundiária. 

A Companhia informa, ainda, que desde setembro de 2020, estão em andamento várias frentes de serviços para ampliação do sistema de esgotamento sanitário em Patos de Minas. Esta obra contempla a construção de uma elevatória nas proximidades dos bairros Barreiro e Santa Helena. Assim que as áreas forem liberadas para acesso pela Companhia, a unidade de bombeamento será instalada, interceptando o esgoto da região e encaminhando para a Estação de Tratamento (ETE).  

A Copasa orienta que todas as demandas referentes ao abastecimento ou esgotamento devem ser informadas à empresa por meio dos canais de relacionamento: telefone 115, aplicativo Copasa Digital ou site www.copasa.com.br

Na semana passada, quarta-feira (02), outra reportagem  mostrou esgoto sendo despejado no Córrego Água Limpa, no bairro Guanabara em Patos de Minas, (vídeo 02). A COPASA disse que tomaria providências, mas uma semana depois o esgoto continua sendo liberado.

Confira a nota encaminhada para o jornalismo da Rádio Clube na sexta-feira 04 de junho:

A Copasa informa que iniciará, na próxima segunda-feira (07/06), as obras para a substituição da rede de esgotamento localizada na esquina das ruas Padre Vitor Coelho de Almeida e João Lourenço de Lima, no bairro Guanabara, em Patos de Minas.   

Técnicos da Companhia estiveram no local nesta quinta-feira (03/06), para aplicar medidas paliativas e verificar quais são as ações necessárias para solucionar o problema.

O jornalismo da Rádio Clube 98, pediu uma atualização sobre o assunto na tarde desta terça-feira 08/06 e aguarda um novo posicionamento da empresa. 

Comentários