TCE rejeita contas de Lagoa Formosa e Câmara decide hoje se ex-prefeito Didi ficará inelegível

18/04/2017 09:12:51

Redação Clube Notícia

A Câmara Municipal de Lagoa Formosa vota, nesta terça-feira, a prestação de contas do ex-prefeito Edson Machado (Didi), relativas ao ano de 2011. O Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais, TCE-MG já havia rejeitado os números, mas devolveu a responsabilidade de recusar ou aprovar a prestação de contas aos vereadores. Na oportunidade, Edson Machado alegou, na justiça, não ter tido tempo hábil para defesa, mas, mesmo depois de reapresentar os números, o TCE manteve o parecer.

Em entrevista para a equipe da Rádio Clube, o Vereador pelo DEM Geraldo Célio (Nelinho) explicou que, no momento, é impossível prever qual será o posicionamento da Casa Legislativa. “Cada vereador vota de acordo com a sua opinião; será uma votação apertada”, disse o parlamentar. Para que a prestação de contas seja aprovada ou recusada, são necessários votos de pelo menos oito votos, ou seja, dois terços da Câmara.

Conforme consta no site do TCE, as contas do ex-prefeito Edson Machado não foram aprovadas devido à realocação de recursos previstos em orçamento para outros fins. A manobra não é permitida legalmente. Caso os vereadores rejeitem as contas, o ex-prefeito Edson Machado ficará inelegível por oito anos, a contar da data da decisão. A votação está prevista para acontecer às 18h, no plenário da Câmara Municipal de Lagoa Formosa. 

Clique no link abaixo e ouça a entrevista do Vereador Geraldo Célio (Nelinho), para a equipe da Clube: 

 

Comentários